O URUGUAI COMEMOROU 30 ANOS DE RELAçõES DIPLOMÁTICAS COM A CHINA COM ATIVIDADES DE PROMOçãO PAÍS BEM-SUCEDIDAS

Data de publicação: 26/11/2018

Como resultado da participação na cúpula China-LAC, na feira de importadores China International Import Expo e da organização da Semana do Uruguai na China a imprensa desse país publicou quase 200 matérias de jornal.

Durante 2018, o Uruguai comemorou 30 anos de amizade com a China participando em diversos eventos e promovendo a "Semana do Uruguai na China", uma série de encontros de negócios organizados por Uruguay XXI e pela Embaixada do Uruguai na China em Beijing, Chongqing e Guangzhou, com o objetivo de promover o Uruguai como porta de entrada para América Latina e hub de negócios, logístico e tecnológico, bem como destino de investimentos em infraestrutura, agronegócios e serviços corporativos. Também se posicionou a oferta exportável de bens e serviços de qualidade. 

Em Beijing, o chanceler subscreveu também um acordo através do qual o Uruguai se tornou o primeiro país do Atlântico Sul e do Mercosul em entrar para a Rota Marítima da Seda do Século XXI, iniciativa chinesa conhecida como "One Belt One Road".

Em Chongqing, realizou-se uma apresentação na feira Smart China Expo, onde o Uruguai teve um stand país. As atividades foram encerradas no dia 27 de agosto em Guangzhou, província de Guangdong, com a inauguração do Consulado Geral do Uruguai nessa cidade. 

Em todas as instâncias, os convidados aproveitaram as intervenções culturais e gastronômicas, com coquetéis "Sabores do Uruguai", a cargo do Chefe Sebastián Barcos e do sommelier Javier Muyala, que ofereceram uma degustação de pratos e vinhos típicos uruguaios. Os eventos foram acompanhados por um show de candombe.

Entre finais de outubro e princípios de novembro, uma delegação política e empresarial, liderada pelo chanceler Rodolfo Nin Novoa, participou da China-LAC 2018, a maior cúpula empresarial entre a China, a América Latina e o Caribe, e da China International Import Expo (CIIE), a primeira feira para importadores chineses. Em 2017, o Uruguai foi anfitrião deste evento e foi o país que atingiu a maior convocatória entre todas as edições realizadas na América Latina, com mais de 2.400 participantes.

A edição de 2018 foi realizada na cidade de Zhuhai, no sul da China e no stand do Uruguai foram recebidas consultas de investimento em áreas de agronegócios, infraestrutura, florestal madeira e energias renováveis, entre outras.

Enquanto isso, na CIIE os visitantes consultaram pelos principais produtos exportados à China e se advertiu um grande interesse pelos alimentos uruguaios, como carne, vinhos, laticínios e arroz, bem como pelo setor florestal e de lã. Também manifestaram interesse pelo regime de promoção de investimentos do Uruguai.

No quadro da CIIE, mais de 100 importadores chineses participaram do evento "Why Uruguay?", organizado por Uruguay XXI, a Embaixada do Uruguai na China e o consulado geral do Uruguai em Shanghái. Ali foram apresentadas as características diferenciais dos bens e serviços uruguaios.

A missão à China também incluiu a realização de um seminário em Hong Kong sobre as vantagens que o país oferece como hub de negócios na América Latina.

Todas essas ações geraram mais de 190 matérias na imprensa chinesa. Além disso, Uruguay XXI iniciou uma campanha de conteúdos referidos a Uruguai nas redes sociais chinesas e criou, com a finalidade de fortalecer os laços comerciais com esse país, suas páginaswww.investinuruguay.uy/cn e www.buyfromuruguay.uy/cn em idioma chinês.

Na atualidade, a China é o primeiro sócio comercial do Uruguai, com um intercâmbio comercial que atingiu US$ 2.549 milhões e uma participação de 20% do total das exportações do país latino-americano.


retorna

  • partilhar